Deolinda @ Teatro Aveirense…

… numa noite que se revelou bela e inesquecível…

            Autógrafo by Deolinda [17.10.2008]

O quarteto lisboeta está de facto de parabéns, simplesmente por conseguirem criar uma identidade própria, rompendo sensatamente com rótulos e estereótipos musicais pré-definidos. A Deolinda vagueia assim pelo fado, pelo folclore, pelo jazz, dá uns toques no samba e ainda cumprimenta ao de leve o pop, tudo isto com palavras que se juntam em combinações perfeitas, como acontece no ritmado “Fon-Fon-Fon”, no irónico “Fado Toninho” ou no interventivo “Movimento Perpétuo Associativo”, temas alegres que se vão revezando com a emoção que afloram suavemente em temas como “Não sei falar de amor” ou no sublime “Clandestino”. Aveiro teve ainda a honra de conhecer, em primeira mão, “O Fado do Notário”, o novo tema do grupo, que se revelou imediatamente um êxito na plateia do Teatro Aveirense. Para concluir, devo dizer que a diferença da Deolinda passa igualmente, na minha opinião, pelo modo como Ana Bacalhau, a vocalista do grupo, dá vida a cada canção que interpreta, modo esse intenso, dramático, como se numa peça de teatro estivesse. Admirável! O concerto foi realmente um sucesso e, perante uma sala esgotada, só lhes restou regressar ao palco três vezes, tal foi a insistência de um público que teimava em continuar a escutar o seu som, as suas palavras… no fundo a conhecer a Deolinda.

Update: Devo relembrar que a Deolinda regressará ao Teatro Aveirense dia 29 de Novembro para outro espectáculo, para compensar todos aqueles que desta vez não tiveram possibilidade de assistir ao concerto.

5 pensamentos sobre “Deolinda @ Teatro Aveirense…

  1. Não foi difícil “conseguir” o autógrafo, pois eles são extremamente solícitos para com o público. Após o concerto, lá estiveram sempre com um grande sorriso nos lábios e em amena cavaqueira com quem lhes falasse.
    Adorei o concerto e o ambiente. Devo acrescentar que o público também fez a diferença, tal era o seu entusiasmo. Assim vale realmente a pena!

    Beijinhos, Amiga*

    Gostar

  2. Moura Aveirense,

    Foi de facto um belíssimo concerto!
    O público vibrou e interagiu com os Deolinda de um modo extraordinário, num apoio sem igual, já que se trata de um grupo que ainda agora começou o seu percurso.
    A melhor imagem que guardo do espectáculo aconteceu durante um dos encores, quando vislumbrei um animado bailarico numa das bancadas do recinto. A música exigia um pé de dança, por isso a festa estava garantida!

    Obrigada pela visita!

    Gostar

  3. Um dos meus amgos gosta muito de si
    Disse para aparecer mais vezes em vila do conde.
    Disse também que a senhora era pequena mas cantava maravilhosamente
    Queria muito ter visto o seu concerto mas já estava a dormir.
    A minha mãe e os meus adoramtanto que estam sempre a cantar especialmente a musica » fá fá fá »
    Esse meu amigo tem os otografos de todos.
    Ele acha-a muito bonita.

    Gostar

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s