Plágio de mim – Luíz e a Lata feat. Raquel Tavares

Plágio de MimLuíz e a Lata feat. Raquel Tavares

Um lugar vazio
na plateia o frio
de um personagem meu, serei eu?

Um olhar capaz
de esconder a paz
de um próprio acordar, devagar.

Um espectador atento de um filme muito lento
que se repete mas não tem um fim.
Ou um duplo de cinema que incorpora qualquer cena
que habilmente ri mas quer chorar.

Não sei se sou eu
se sou real
um plágio ou o original.
Não sei se sou eu, se sou assim
um plágio de mim.

Um drama fiel
para um tal papel
de um invulgar actor, sem amor.

Um corte que tenho
arde outro alguém
de um sopro anormal, afinal.

Um espectador atento de um filme muito lento
que se repete mas não tem um fim.
Ou um duplo de cinema que incorpora qualquer cena
que habilmente ri mas quer chorar.

Não sei se sou eu
se sou real
um plágio ou o original.
Não sei se sou eu, se sou assim
um plágio de mim.

Não sei se sou eu, se sou real
se sou acaso ocasional
se sou banido ou sou banal.
Não sei se sou eu, se sou assim
se sou um simples arlequim
se sou quem quero que não quero
ou o que querem de mim.

O que quero…
o que quero…
o que querem de mim.

Um pensamento sobre “Plágio de mim – Luíz e a Lata feat. Raquel Tavares

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s