Já não há tempo para as palavras…

Digo isto com alguma tristeza, acreditem, porque cada vez mais sinto que são poucos aqueles que dedicam algum do seu tempo, que às vezes é limitado, é certo, para criarem uma simples mensagem de Natal pessoal para os amigos e familiares. Limitam-se a copiar um texto impessoal, que outros escreveram, e fazer disso as suas palavras. Eu sei que o conta é a intenção, mas não tenho paciência para estas mensagens, que já não me dizem nada. Já sei como vão acabar, porque talvez as palavras não foram escolhidas com coração…
Tudo isto porque recebi o mesmo postal de natal três vezes em menos de dois dias. A primeira vez achei o máximo, mas à terceira comecei a perceber que “houve alguém que teve ideia igual”, como diz a canção. Peço desculpa a quem o fez, mas espero que entendam a minha intenção.

Talvez esta não seja a altura mais acertada para este discurso, para muitos. Para mim, esta época de Natal merece toda a minha sinceridade.
Eu privilegio muito o meu mundo de afectos!

Foto @ That Girl

Um pensamento sobre “Já não há tempo para as palavras…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s