Quase, quase no Natal…

… por cá, sem pânico.🙂 Consegui nos últimos (quase) dois anos ‘acomodar’ no meu ser, que a simplicidade de um mimo, pensado e concretizado com amor e atenção, vale mais que os mais preciosos presentes. A persistência neste meu objectivo de vida tem proporcionado esta acalmia em mim, algo que me deixa imensamente feliz.

Tentem viver o Natal na sua essência e não que o consumismo vos ‘devore’ o espírito. O  tempo que se pode perder na azáfama e correria das compras poderia ser dedicado, por exemplo, a pessoas que precisam de nós ou com quem nunca conseguimos estar. Já pensaram nisso?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s