Será coragem a tremura do medo?

Vertigem – Mafalda Veiga

Haverá luz sugada no escuro?
Será calor o murmúrio do frio?
Terá amor o avesso da vida?
Haverá sonhos no fundo da dor?

Serão gritos os cais do silêncio?
Será coragem a tremura do medo?
Haverá chuva que lave este sangue
E deixe que a terra acalme devagar

Esquece o medo
Sai do escuro
Abre comportas
Deixa gritar
Vai mais fundo
Persegue o mar
Persegue o mar

Será só a vertigem do abismo?
Será mordaça a leveza do pó?
Haverá negro sugado na luz?
Haverá longe por dentro de nós?

Ando sobre uma aresta de gelo
Na vertigem de um trapézio de fogo
Mas canta-me um pouco na tempestade
Canta-me um pouco na tempestade
E deixa que a terra acalme devagar

Esquece o medo
Sai do escuro
Abre comportas
Deixa gritar
Vai mais fundo
Persegue o mar
Persegue o mar

*Este tema, especialmente as palavras que o tornam tão maravilhoso (pelo menos para mim) devem estar algures noutro post deste blog. Porque volto a elas inúmeras vezes, porque me fazem bem, porque que me ajudam a a esboçar o caminho a seguir ou tão-somente a pôr os pontos nos ‘is’, que por vezes me atormentam. Para muitos pode parecer patético, mas não para mim.

Cada qual faz o melhor para se insurgir contra o medo que os desfoca da vida!

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s