Dia do *Sr. Pai…

“Um pai é mesmo uma pessoa muito especial.
Capaz de se dobrar, desdobrar, encolher e esticar… um pai transforma-se, num passe de mágica, nos objetos mais incríveis.
Ou será que nunca repararam nos pais transformados que andam por aí?
Pais-cabides, pais-ambulâncias, pais-aviões, pais-sofás, pais-escadotes, pais-travões…
Basta abrir os olhos e observar.”

in ‘Pê de Pai’ *de Isabel Minhós Martins e Bernardo P. Carvalho
[Um livro lindo, que recomendo. Foi o presente de Natal do Rodrigo para o pai! ❤ ]

diadopai_15
*É estranho, admito, mas é deste modo que o mais pequeno chama pelo pai nos últimos tempos. Culpa de quem? Do próprio pai, está claro! De tanto usar a dita abreviatura, a criança não tem como fugir à imitação mais do que normal da idade! 🙂

♥Dia do Pai e ‘um abacho’

Olá pai! ‘Ké um abacho’ (quero um abraço)!
Estas são para já as palavras de grande amor e cumplicidade que o nosso mais pequenino usa para saudar o Pai, assim que o vê (seja quando acorda ou quando o vê chegar do trabalho). Hoje, para além das palavras, recebeu-o com um ‘coaxão bimelho’ (coração vermelho) que eu ajudei a decorar, tal como aconteceu com a pintura das enormes letras do Homem da sua vida! Hoje celebrou-se assim o dia do pai do nosso pequenino e, embora eu não dê grande importância a estes datas, quero que ele um dia saiba que tem memórias destes dias e que os afectos se fazem tanto com palavras como com pequenos gestos. Como o de hoje! ❤

dia do paiII

O primeiro Dia do Pai cá de casa ♥

Rodrigo e o pai

Já devem ter percebido que não dou especial importância a estas datas ditas ‘especiais’, mas cá em casa o pai fez questão que este dia fosse lembrado. Afinal, hoje, para além de todos os outros dias da vida do Rodrigo, o dia é ‘do pai dele’ e eu abro a devida excepção.

* Uma pequena curiosidade, que tem a ver com a foto: o casaquinho do Rodrigo era do meu mano e tem 34 anos, tal como ele, e foi feito pela minha mãe. Não é o máximo?